Produtos

Aspas Paulo Rayner - Eng. Agr�nomo

"O Brachiarão é cultivado em cerca de 70 milhões de hectares no Brasil. Ele possui tolerância média à seca e ao frio, desenvolve-se bem em solos não úmidos, é resistente à cigarrinha, tem bom valor forrageiro e alta produção de massa verde.  Além do mais, possui boa cobertura de solos, capacidade de competição com invasoras e estabelecimento rápido. Sob pastejo contínuo, deve ser manejado a uma altura entre 20 e 40 cm; sob pastejo rotacionado, a 35 cm de altura e devem sair quando a pastagem estiver com 15 cm."

Sobre a semente

O capim Brizantha é explorado na produção para pastejo, possui boa adaptação em solos arenosos de média fertilidade, produção de forragem de melhor qualidade, maior acúmulo de folhas, melhor desempenho animal em relação ao capim-xaráes e capim-marandu, maior tolerância à umidade que o capim-marandu e maior resistência a cigarrinhas-das-pastagens (Deois e Notozulia).
 
O crescimento dessa gramínea é unidirecional, paralelo ao eixo longitudinal e o desenvolvimento se concentra na zona de alongamento da folha, formando touceiras. Tem porte médio, com altura entre 0,85m e 1,10m, colmos verdes, finos, bainhas foliares com pouca pilosidade e lâmina foliar sem pilosidade. Apresenta perfilhamento aéreo e inflorescência característica apresentando até 12 ramos. 

 

Detalhamento técnico

Para visualização completa, role para a esquerda.
Nome científico Cultivar Nome vulgar Utilização Ciclo vegetativo Forma de crescimento Altura Fixação de Nitrogênio
Urochloa brizantha Marandu

Brachiarão

Marandu

Brizantão

Pastoreio e fenação Perene Touceira semi-ereta 1,0 a 1,5m -
Fertilidade do Solo Precipitação pluviométrica
Média e alta >800 mm
Digestibilidade Palatabilidade Teor de proteína na matéria seca Produção de forragem
Ótima Boa 9 a 12% 10 a 14 ton ms/ha/ano
Tolerância à seca Tolerância à frio Umidade Resistência à cigarrinha
Média Média   Resistente

Solicite uma cotação rápida