Produtos

Aspas Euraimi Cunha - Dr. M.Sc. Eng. Agr�nomo

"O Massai possui excelente produção de forragem, grande velocidade de estabelecimento e de rebrota, com média tolerância ao frio e boa resistência ao fogo. Adaptada-se às condições de baixa fertilidade e de compactação por seu sistema radicular. Boa resistência ao ataque da cigarrinha e apresenta boa cobertura de solo. É pouco exigente em adubação de manutenção.  O pastejo deve ser iniciado quando as plantas atingem entre 0,8 a 1,0 m de altura, as quais devem ser rebaixadas até cerca de 30 cm."

Sobre a semente

O capim Massai apresenta concentração de proteína bruta nas folhas em torno de 12%, tem boa adaptação em solos de baixa fertilidade e boa aceitação, sendo indicado para a diversificação de áreas de pastagens e a viabilização da sustentabilidade de sistemas de produção de bovinos, equinos e ovinos.
 
Essa gramínea apresenta melhor cobertura do solo, melhor persistência em terrenos com baixo nível de fósforo, maior tolerância em áreas com grande concentração de alumínio e mais resistência à cigarrinha-das-pastagens. Persiste maior tempo em circunstâncias de baixa fertilidade, com boa produção sob pastejo.
 

Detalhamento técnico

Para visualização completa, role para a esquerda.
Nome científico Cultivar Nome vulgar Utilização Ciclo vegetativo Forma de crescimento Altura Fixação de Nitrogênio
Panicum maximum Massai Massai Pastoreio, fenação Perene Touceira 0,9 a 10m  
Fertilidade do Solo Precipitação pluviométrica
Média e alta >800 mm
Digestibilidade Palatabilidade Teor de proteína na matéria seca Produção de forragem
Boa Boa 12 a 16% 20 a 28 ton ms/ha/ano
Tolerância à seca Tolerância à frio Umidade Resistência à cigarrinha
Média Média    

Solicite uma cotação rápida